Photobucket - Video and Image Hosting

quarta-feira, fevereiro 14, 2007

Terapia do Amor (Prime). EUA. 2005.

O jovem diretor/roterista Ben Younger filmou em clima de seriado americano(.P) essa comédia romântica totalmente inofensiva. Se não fosse o final pseudorealista(será que eu exagerei?kkkkkkkkk) seria uma merda! Não sei porque minha musa Umma Thurman resolveu se aposentar pra cuidar dos filhos e se envolveu nessa comédia boba... Aff, que perda de tempo. Ela só está linda como sempre(novidade?)! O atorzinho novato Brian Greenberg é muito fraquinho sem um pingo de carisma(apesar de ser mó saradinho.P). E Meryl Streep está muito caricata como a terapeuta judia que descobre que sua cliente liberada(Thurman) está tendo um caso com seu filhinho artista(Rebelde? Por que esse povo acha que artista é vagabundo, hein?). Thurman é mais velha e divorciada enquanto o filhinho de Streep tem 23 aninhos(.O). Mó barra pra mãe protetora, neah? Uiuiui! Já que acho difícil de alguém locar esse filme depois dessa microresenha, vou rasgar: sim, eu odeio finais felizes, a única coisa boa do filme...

2 Comments:

Blogger Janet said...

Hmmm, eu gosto da Thurman de regata. hahaha

2/14/2007 3:50 PM  
Anonymous adler said...

Ném Sam, das piores coisas que assiti na tua casa.

2/15/2007 3:53 PM  

Postar um comentário

<< Home

Adicionar ao Meu Yahoo!
Assinar com Bloglines Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. mp3 blogs